Você está em Página Inicial>Dedetização>Pulgas



CUPINS

RATOS

BARATAS

ARANHAS

TRAÇAS

ESCORPIÕES

FORMIGAS

PULGAS

MORCEGOS

POMBOS



Desentupimento

Água Potável

Hidrojateamento Limpeza de Fossas

Dedetização

Vídeos
Interessantes



Controle de Pragas- Pulgas




É sempre uma desagradável surpresa descobrirmos que temos pulgas em casa. Em residências onde o animal de estimação passeia pela rua isto é normal. É quase impossível realizar uma passeio pelas calçadas, praças, e canteiros, sem que o animal volte sem uma pulga para casa. Esta pulga vai por ovos, e outras pulgas nascerão, dando início ao problema. Normalmente a infestação não evolui devido aos procedimentos de limpeza adotados, que vão eliminando os insetos, e ao fato que os animais são os alvos preferências, nos poupando de suas picadas.

O ciclo biológico da pulga se divide em cinco estágios: pulga adulta, ovo, larva, pupa e ninfa. A duração dos estágios de desenvolvimento depende da temperatura, umidade relativa e da disponibilidade local de alimento. Esse parasita se desenvolve melhor em ambientes úmidos (80% de umidade) e quentes (27º C).




A pulga adulta se alimenta de sangue e pode sobreviver até 1 ano fora do corpo do animal. As fêmeas da pulga põem de 6 a 8 ovos por vez, podendo chegar a um total de 400 a 500 ovos. A postura dos ovos se dá no animal e no ambiente.

Os ovos não são visíveis a olho nu, são resistentes a secas, altas temperaturas e produtos químicos e permanecem em incubação de 2 a 12 dias. Dos ovos nascem as larvas, que são muito pequenas e se escondem em locais inacessíveis à limpeza. Permanecem neste estágio de 9 a 20 dias e passam por 3 fases evolutivas. Passam depois à pupa, permanecendo de 7 dias a 1 ano nesta fase, dependendo da temperatura ambiente. A ninfa é a fase intermediária entre pupa e pulga jovem. Com o rompimento do casulo, origina-se uma pulga jovem que irá se alimentar de sangue quente do hospedeiro, completando o ciclo biológico. O ciclo de vida se dá 95% no ambiente (não visível a olho nu) e apenas 5% no animal

Uma espécie em particular - a Xenopsylla Cheops - é o vetor
da peste bubônica ou peste negra, que ainda tem vitimado muitas pessoas
em todo o mundo, utilizando o rato como seu hospedeiro.




A eclosão para a forma adulta somente se faz se houver vibrações que irão "despertá-la" da forma pupal. Esta é a razão pela qual observamos uma grande e súbita população de pulgas aparecer em local que estava fechado durante certo tempo e ocasionalmente habitado por um animal. As vibrações dos
passos de pessoas ao entrarem neste local são suficientes para desencadear o nascimento de uma grande quantidade de pulgas.
os desencadeadores desse problema.



CARACTERISTICAS:

- A pulga possui um aparelho bucal sugador que penetra na pele de seu hospedeiro para se alimentar de sangue.

- Possui pernas musculosas e fortes que permitem que ela atinja de 17 a 20 cm em pulos verticais e 35 a 40 cm em sentido horizontal.

- Após cada "refeição"ela coloca de 4 a 8 ovos, que chegam a somar algumas centenas durante toda a sua vida.

- O relacionamento existente entre a pulga, o rato, e a transmissão da peste bubônica, deve ser levada em consideração. Procedimento preventivo contra os riscos
desta doença consiste na aplicação de inseticidas na área onde se faz o início do combate aos ratos.







Desentupimento

Água Potável

Hidrojateamento Limpeza de Fossas

Dedetização

Vídeos
Interessantes

Confiança Desinsetizadora e Desentupidora – F: 51 3092-0800 – confiancapoa@gmail.com